18º Simpósio Paranaense de Cerâmica (Poéticas da Cerâmica: mudanças, permanências e desafios da contemporaneidade), Museu Oscar Niemeyer, Curitiba




18º Simpósio Paranaense de Cerâmica
Dias 8 e 9 de novembro de 2012

 Inscrições abertas para o 18° Simpósio Paranaense de Cerâmica

PROGRAMAÇÃO:
Mesa: Processos Poéticos do Artista Visual 

Evento será realizado nos dias 8 e 9 de novembro de 2012 e contará com a participação de ceramistas nacionais e do exterior

A Secretaria da Cultura do Paraná (SEEC), por meio do Museu Alfredo Andersen, promove o 18º Simpósio Paranaense de Cerâmica, com a realização de palestras, conferências, exibição de filme, relatos de experiência e demonstração de profissionais do Brasil e exterior. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site da SEEC (www.cultura.pr.gov.br). O evento será realizado no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba (PR).

O tema do simpósio é “Poéticas da Cerâmica: mudanças, permanências e desafios da contemporaneidade”. A ideia é que o evento viabilize a reflexão sobre o processo poético dos artistas visuais que utilizam a cerâmica nos seus trabalhos, com o intuito de pensar o lugar da arte cerâmica dentro do campo das artes plásticas. Os participantes poderão trocar experiências, além de refletir sobre o tema.

A participação do mexicano Gustavo Pérez é uma das atrações do evento. O artista irá demonstrar algumas das técnicas que utiliza para trabalhar com cerâmica. Pérez é formado pela Escola de Artesanato e Design da Universidade do México e membro da Academia Internacional de Cerâmica. Realizou diversas exposições que foram apresentadas nos Estados Unidos, Cuba, Japão, Alemanha, França e Espanha. 

A norte-americana Anna Calluori Holcombe, mestre em Cerâmica pela Louisiana State University, também participa do Simpósio com duas conferências sobre o auxílio da tecnologia 3D para os ceramistas e o ensino para futuros profissionais. Atualmente Anna é diretora da Escola de Artes e História da Universidade da Flórida.

A docente do curso de Escultura na Universidade de Lisboa, Virgínia Fróis, fará uma palestra sobre o trabalho individual e coletivo do ceramista. Ela pesquisa etnocerâmica em Cabo Verde e dirigiu a recuperação de esculturas em terracota, no Mosteiro de Alcobaça (Portugal). Outros profissionais de destaque participam do evento. É possível conferir a programação completa em www.cultura.pr.gov.br

 


Cerâmica
O trabalho do homem com a argila remete há pelo menos cinco mil anos e é uma das formas mais antigas de processo poético. Utilizada para a confecção de objetos utilitários, decorativos e de arte, a argila é uma matéria-prima que ultrapassa fronteiras geográficas, culturais e de classe social.


Local: 
Museu Oscar Niemeyer (auditório Poty Lazzarotto – Rua Marechal Hermes, 999. Curitiba-PR)
Inscrições gratuitas e programação: www.cultura.pr.gov.br
Vagas limitadas (os participantes receberão certificado mediante presença mínima de 75% da carga horária).
Tradução simultânea para as palestras internacionais.
Informações: (41) 3222-8262

- - -
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Cultura do Paraná
Bianca Sobieray / Diogo Cavazotti
(41) 3321 4729 / 3321 4722
imprensa@seec.pr.gov.br
www.cultura.pr.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário