Arquivo Aberto_Sérgio Porto 1983 - 1997, Rio de Janeiro



A Prefeitura do Rio/Cultura apresenta a exposição

Arquivo Aberto
Sérgio Porto 1983 - 1997

Curadoria de Marta Mestre

Inauguração 25.10.2012 às 19h
Exposição 26.10.2012 - 26.11.2012


O Espaço Cultural Sérgio Porto foi um dos lugares mais importantes na programação e divulgação de arte contemporânea no Rio de Janeiro, durante a década de 1990. Muitos artistas brasileiros que têm carreiras consolidadas a nível nacional ou internacional deram aqui os "primeiros passos", realizando exposições consideradas seminais nas suas tragetórias.

Arquivo Aberto_ Sérgio Porto 1983 - 1997 resulta de um inquérito sobre este lugar, e sem obter resposta junto da instituição, tenta dar a volta à questão através da "memória individual" e dos registros de época dos artistas, curadores e fotógrafos que aqui intervieram.

Com:
Afonso Tostes, Ana Linnemann, Analu Cunha, Antonio Manuel, Bernardo Stambowsky, Brigida Baltar, Bruce e Norman Yonemoto, Carla Guagliardi, Chacal, Claudia Bekker, Cláudia Saldanha, Cristina Pape, Cristina Salgado, Cyrilla Mozenter, Eduardo Coimbra, Enrica Bernardelli, Ernesto Neto, Everardo Miranda, Fabrice Langradi, Fernanda Gomes, Flávia Ribeiro, Frederico Dalton, Gabriela Machado, Gê Orthof, Gustavo Rezende, Iran do Espírito Santo, João Modé, Jorge Emanuel, José Damasceno, José Rufino, José Spaniol, Ligia Canongia, Lilian Zaremba, Lívia Flores, Luiz Carlos Del Castilho, Márcia X, Marcos Chaves,  Maria Moreira, Maurício Ruiz, Mauro Faingerlernt, Paulo Climachauska, Raul Mourão, Regina de Paula, Ricardo Ventura, Roberto Bethônico, Rosana Palazyan, Rosilda Sá, Tatiana Grinberg, Tonico Lemos, Umberto Costa Barros, Valeska Soares, Vasco Acioli, Vicente de Mello, Waltércio Caldas, Zaven Paré.


Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto
Rua do Humaitá, 163 - Humaitá
Rio de Janeiro
Tel: (21) 2535.3846    

Quarta a domingo das 14 às 22h
Entrada franca

Onde é melhor: no chão ou na árvore? (livro)


O conto Onde é melhor: no chão ou na árvore? tem como cenário o bioma caatinga e narra a história de dois animais, o Soin e o Tatu, que ao se conhecerem conseguiram vencer as diferenças e construir uma bela amizade.


APRESENTAÇÃO

O conto Onde é melhor: no chão ou na árvore? surgiu a partir de um projeto desenvolvido na Escola Municipal de Ensino Infantil e Ensino Fundamental Antônio Tabosa Rodrigues (CAIC), no município de Cajazeiras, Estado da Paraíba, com o intuito de realizar estudos relacionados à riqueza cultural do Semiárido e à biodiversidade da Caatinga.

A prática interdisciplinar, envolvendo estudantes e professores, se deu ao longo do ano letivo, quando os alunos foram motivados a tecer histórias ligadas à sua realidade.

Dentre tantas ricas produções, o conto Onde é melhor: no chão ou na árvore?, escrito coletivamente pelas alunas do 7º ano, Rita de Cássia Freitas e Larissa Tomaz de Oliveira, e a Coordenadora Pedagógica Maria Aparecida de Sousa Silva Sá, foi eleito para compor este livro paradidático, objetivando abrir caminhos para que outras histórias e outros livros com histórias que sejam próximas do cotidiano dos estudantes e das especifidades do Semiárido possam ser editadas e utilizados nas escolas.

Idealizadora do projeto e organizadora do livro:
Aparecida Sá


LANÇAMENTO:

 dia 13 de outubro de 2012 (sábado), 17h

Centro Cultural Banco do Nordeste (BNB)
Rua Cel. José Gomes de Sá, 07 Centro - Sousa/PB
CEP 58.800-050
Fones: (83) 3522.2980 - 3522.2926


link_programação_outubro_BNB_Sousa:


contato:
mcidasa@bol.com.br