A estética na Arte e na Psicanálise - 16ª Jornada do Laboratório de Psicopatologia Fundamental e Psicanálise da UNICAP



Excelente evento! 
Ver a obra de Brennand e ouví-lo, é um privilégio!

Bando de Barro: CERÂMICA NO CÉU


 


CERÂMICA NO CÉU
Haras Cambará, Porto Alegre

 
 


 
  
 fotografias e textos - www.bandodebarro.blogspot.com


“De cantos portanto não é que se faz a beleza desses pássaros.
Mas de cores e movimentos. Lembram Modigliani.
Produzem no céu iluminuras. E propõem esculturas no ar.”
Manoel de Barros[i]


ARTISTAS PARTICIPANTES:
Adma Corá, Adriana Daccache, Adriana Giora, Agatha Taylor, Aionara Preis, Alexandra Eckert, Alice Diniz, Alice Kraemer, Ana Bento, Ana Laura Frota, Analisa Eschberger, Anelise Neu, Anemary Pitrez, Annemarie Baumann, Antonio Augusto Bueno, Antonio Vasques, Beatriz Duval Leite, Beatriz Scheidt, Bruna Gabriele, Cibele Kirsch, Cinthia Sfoggia, Clarissa Silveira, Claudia Izolini, Claudia Zanatta,  Coletivo Gaiart, Daniela Henriqson, Dúnya Leutchuk, Eda Da Cunha Pinto, Elisa Ziegler, Ellen Ferrando, Eneida  Ströher, Eny Schuch, Ester Sangalli, Eunice Gavioli, Fábio Vasconcelos, Fernanda Puricelli, Flávia Medina Lima, Georgia Rosito, Gilberto Menegaz, Gisele Ramires, Gladis Ricardo, Helena Tavares, Helenara Fão, Hilde Schiemann, Iara Hilal, Iarema  Jenisch Mendonça, Ilka Metz, Ivanez Pereira, Ivone Bins, Izane Schul, Julia Streppel, Juliana L. Marcondes, Karla Livi, Katiúscia Renata Paiva Nunes, Kika Zanella, Kira Luá, Lara Espinosa, Laurisa Narciso, Lisiane Rabello, Loren Cristina Gay, Luana Carolina, Luana Mitto, Luana Rettamozo, Luiza Christ, Madalena Michelotto, Maia Mena Barreto, Mara Loureiro, Marcelo Gomes, Marcia Braga, Márcia Sawitzki, Marco Antonio Tebaldi, Marcos Frizzo, Maria Do Carmo Cabrera, Maria Flores, Maria Luciana Firpo, Mariester Hiendlmayer, Marilene Maran, Marília Thiesen, Mario Palermo, Maritê, Martha Andres, Matheus Póvoas, Megumi Yuasa, Meris Slomp, Michelle Bloedow, Mima Gomes, Miriam C. Morriesen, Miriam Quaresma Da Porciuncula, Nadia Saad, Neusa Sperb, Nico Giuliano, Nilza Dezordi, Paola Luzzatto, Rebeca Da Silva Sasso, Rebeca Stumm, Regina Campos, Regina Dutra, Regina Soares, Regina Veiga, Reginaldo Porto Alegre, Roberta Krünger, Roberto Bitencourt, Rodrigo Núñez, Rosana Lagua, Rosilda Sá, Sandra Lagua, Sandra Menezes, Silvia Do Canto, Silvia Marcuzzo, Solange Simas, Soraya Girotto, Stela Valim, Sueli Martines, Suzana Campozani, Tamir Farina, Tânia Moura, Tania Schmidt, Thiago Trindade, Ulmaria Petter, Valesca Ely, Vera Muller, Viviane Diehl, 
Yara Nascimento, Zica Fortini.


Organização e CURADORIA: 
Adriana Daccache, Rodrigo Núñez, Sandra Menezes, Stela Valim, 
Claudia Izolini,.Kira Luá e Lara Espinosa.


  


 

CONVITE AOS BANDOLEIROS E SIMPATIZANTES

Ação do Bando de Barro

Bando de Barro: cerâmica no céu será uma série de exposições itinerantes que visam a retomada das atividades do Bando de Barro. A participação é aberta aos bandoleiros e simpatizantes.

As diretrizes abaixo foram pensadas na oficina Provocações sobre produção em grupo: vivência prática de um processo coletivo, ministrada pelos bandoleiros Adriana Daccache e Rodrigo Núñez, no Festival de Inverno do Ateliê Livre da Prefeitura de Porto Alegre, durante os dias 28 de julho a 01 de agosto de 2014. Para esta série de exposições, contamos com a organização de Adriana Daccache, Rodrigo Núñez, Sandra Menezes, Lara Espinosa, Kira Luá e Stella Valim.

O tema proposto foi consenso para a ocupação em espaços abertos, a princípio, para que o projeto tivesse a ideia de liberdade de voo, relação com a natureza e expansão.

Para tanto, os artistas participantes deverão construir pássaros em material cerâmico, preferencialmente, dentro das dimensões máximas de 30 x 20 x 15 cm, levando em consideração da ponta do bico ao final da cauda ou de asas abertas, não importando de que maneira serão utilizadas estas medidas. A peça deverá ser preparada para ser suspensa, por orifício ou alça. Além disso, poderá ser feito mais de um pássaro, desde que o conjunto, em sua totalidade, não ultrapasse as medidas estipuladas.

Cada artista deverá responsabilizar-se pela embalagem da obra, sendo esta de qualidade visando a itinerância da exposição.

Também é importante lembrar que serão montagens em espaços abertos, muitas vezes públicos, e sujeitos a ação climática, quebras e ou furtos.

A comissão de organização não se responsabiliza pela integridade das obras, tendo em vista à característica itinerante do projeto.

Solicitamos a colaboração de R$ 20,00 (vinte reais) para materiais de montagem.

Pedimos que observem o cronograma abaixo.

• Confirmação de aceite: até 30 de agosto pelo email adaccache@yahoo.com.br;

• Prazo de entrega da obra para bandoleiros externos à Porto Alegre: até 24 de outubro; no Instituto de Artes da UFRGS. Rua Senhor dos Passos, 248. Centro. Porto Alegre/RS. Cep: 90020-180 aos cuidados do Professor Rodrigo Núñez (Cerâmica).

• Para os artistas de Porto Alegre, as obras deverão ser entregues na data da montagem, no local de exposição, ou, para os que não puderem comparecer, deverão ser deixadas no Instituto de Artes da UFRGS, até o dia 24 de outubro; endereço: Rua Senhor dos Passos, 248. Centro. Porto Alegre/RS. Cep: 90020-180 aos cuidados do Professor Rodrigo Núñez (Cerâmica).

• O valor de colaboração deverá ser entregue em envelope fechado, em mãos, para um dos organizadores, ou, dentro da embalagem da obra. Para os externos, em envelope fechado dentro da embalagem que contém a obra.

Os lugares de exposição serão:


Haras Cambará Porto Alegre 01/11/2014 a 16/11/2014 www.cambara.tur.br

Feira ecológica Menino Deus - Secretaria da Agricultura do Estado do RS Porto Alegre na Av. Getúlio Vargas, 1384/ Pátio
22/11/2014 intervenção

Hotel Pousada Le Chateau GRAMADO 29/11/2014 17/01/2015
https://www.facebook.com/pages/HOTEL-POUSADA-LE-CHÂTEAU/280908461927453?fref=ts

Solar Azul do Galo Cantante Canela
17/01/2015 (mesmo dia de desmontagem do Le Chateau) a 14/03/2015 www.facebook.com/SolarAzulDoGaloCantante

Caminho das Serpentes Morro Reuter 14/03/2015 a 16/05/2015 www.claudiasperb.com.br

O nome dele é Pedro (texto do jornalista Kubitschek Pinheiro), Jornal Correio da Paraíba

 
O nome dele é Pedro

Caminhava na calçada da Praia do Cabo Branco com o jornalista Petrônio Souto, no final da tarde, quando ela surge ultrapassando a alegria do ano que já se vai. A artista plástica Rosilda Sá não rebolava, nem mostrava seu tênis novo, sequer, as pernas douradas.

Eu fiquei fascinado com a imagem daquela mulher, em sua vida sozinha, andando e empurrando um carrinho de bebê. Beijei seu rosto e olhei: era um menino que ela conduzia. "É meu filho", disse.

Aquilo dela dizer é meu filho, me fez chorar ao vento. Que bela cena! Uma artista levando sua cria para passear no mar, cria que ela não pariu, e ali, uma mulher que já nasce mãe, no instante de mostrar o bebê ao mundo.

Ficamos parados. Ela encostada à bela cena, a mais importante obra de arte que produziu pra si mesma, enquanto eu dizia que Pedro é o começo de sua vida cheia... O menino não tirava o olho da nossa conversa.

Contemplando o resto do dia e o mar do Cabo Branco, a ceramista seguiu com sua semente, cuidando de quem um dia vai cuidar dela, como quem pega na mão e sai pelas ruas da utopia. Ou quando apertamos as mãos na hora em que rezamos o Pai Nosso que Estás no Céu...

Em casa, contei a minha mulher e a cena não saía de mim, acostumado a admirar coisas simples. Festejamos aquela iniciativa de uma mulher preencher sua vida adotando um menino.

Quero amar, quero viver mais. Que a fome de viver de Pedro me leve para onde ele quiser, seja ele um timoneiro, um capitão, porque a força vem das crianças.

A cantora Gal Costa também fez isso Rosilda Sá, e anda postando imagens de seu filho Gabriel, já um rapazinho, no Instagram. Cada um conta sua vida como pode, cada um com seu anjo. Cada um, cada um.

KEPETADAS
        1 - Às vezes pronuncio algumas frases em silêncio!
        2 - As gerações adotadas se sucedem. Que bom!
        3 - Som na caixa: "Semente fecundou, já começa a existir", de Serginho Meriti.


Texto do jornalista Kubitschek Pinheiro <kubipinheiro@correiodaparaiba.com.br>
Publicado no Jornal Correio da Paraíba
Sábado, 11 de janeiro de 2014

18º Simpósio Paranaense de Cerâmica (Poéticas da Cerâmica: mudanças, permanências e desafios da contemporaneidade), Museu Oscar Niemeyer, Curitiba




18º Simpósio Paranaense de Cerâmica
Dias 8 e 9 de novembro de 2012

 Inscrições abertas para o 18° Simpósio Paranaense de Cerâmica

PROGRAMAÇÃO:
Mesa: Processos Poéticos do Artista Visual 

Evento será realizado nos dias 8 e 9 de novembro de 2012 e contará com a participação de ceramistas nacionais e do exterior

A Secretaria da Cultura do Paraná (SEEC), por meio do Museu Alfredo Andersen, promove o 18º Simpósio Paranaense de Cerâmica, com a realização de palestras, conferências, exibição de filme, relatos de experiência e demonstração de profissionais do Brasil e exterior. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site da SEEC (www.cultura.pr.gov.br). O evento será realizado no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba (PR).

O tema do simpósio é “Poéticas da Cerâmica: mudanças, permanências e desafios da contemporaneidade”. A ideia é que o evento viabilize a reflexão sobre o processo poético dos artistas visuais que utilizam a cerâmica nos seus trabalhos, com o intuito de pensar o lugar da arte cerâmica dentro do campo das artes plásticas. Os participantes poderão trocar experiências, além de refletir sobre o tema.

A participação do mexicano Gustavo Pérez é uma das atrações do evento. O artista irá demonstrar algumas das técnicas que utiliza para trabalhar com cerâmica. Pérez é formado pela Escola de Artesanato e Design da Universidade do México e membro da Academia Internacional de Cerâmica. Realizou diversas exposições que foram apresentadas nos Estados Unidos, Cuba, Japão, Alemanha, França e Espanha. 

A norte-americana Anna Calluori Holcombe, mestre em Cerâmica pela Louisiana State University, também participa do Simpósio com duas conferências sobre o auxílio da tecnologia 3D para os ceramistas e o ensino para futuros profissionais. Atualmente Anna é diretora da Escola de Artes e História da Universidade da Flórida.

A docente do curso de Escultura na Universidade de Lisboa, Virgínia Fróis, fará uma palestra sobre o trabalho individual e coletivo do ceramista. Ela pesquisa etnocerâmica em Cabo Verde e dirigiu a recuperação de esculturas em terracota, no Mosteiro de Alcobaça (Portugal). Outros profissionais de destaque participam do evento. É possível conferir a programação completa em www.cultura.pr.gov.br

 


Cerâmica
O trabalho do homem com a argila remete há pelo menos cinco mil anos e é uma das formas mais antigas de processo poético. Utilizada para a confecção de objetos utilitários, decorativos e de arte, a argila é uma matéria-prima que ultrapassa fronteiras geográficas, culturais e de classe social.


Local: 
Museu Oscar Niemeyer (auditório Poty Lazzarotto – Rua Marechal Hermes, 999. Curitiba-PR)
Inscrições gratuitas e programação: www.cultura.pr.gov.br
Vagas limitadas (os participantes receberão certificado mediante presença mínima de 75% da carga horária).
Tradução simultânea para as palestras internacionais.
Informações: (41) 3222-8262

- - -
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Cultura do Paraná
Bianca Sobieray / Diogo Cavazotti
(41) 3321 4729 / 3321 4722
imprensa@seec.pr.gov.br
www.cultura.pr.gov.br

Maestros com escuela "ANGEL GARRAZA", sala de exposiciones "Enrique Cook" del Taller-Escuela Cerámica de Muel




Angel Garraza
Invierno, primavera, verano y otõno, 2011
8 piezas, 380 cm altura


Arquivo Aberto_Sérgio Porto 1983 - 1997, Rio de Janeiro



A Prefeitura do Rio/Cultura apresenta a exposição

Arquivo Aberto
Sérgio Porto 1983 - 1997

Curadoria de Marta Mestre

Inauguração 25.10.2012 às 19h
Exposição 26.10.2012 - 26.11.2012


O Espaço Cultural Sérgio Porto foi um dos lugares mais importantes na programação e divulgação de arte contemporânea no Rio de Janeiro, durante a década de 1990. Muitos artistas brasileiros que têm carreiras consolidadas a nível nacional ou internacional deram aqui os "primeiros passos", realizando exposições consideradas seminais nas suas tragetórias.

Arquivo Aberto_ Sérgio Porto 1983 - 1997 resulta de um inquérito sobre este lugar, e sem obter resposta junto da instituição, tenta dar a volta à questão através da "memória individual" e dos registros de época dos artistas, curadores e fotógrafos que aqui intervieram.

Com:
Afonso Tostes, Ana Linnemann, Analu Cunha, Antonio Manuel, Bernardo Stambowsky, Brigida Baltar, Bruce e Norman Yonemoto, Carla Guagliardi, Chacal, Claudia Bekker, Cláudia Saldanha, Cristina Pape, Cristina Salgado, Cyrilla Mozenter, Eduardo Coimbra, Enrica Bernardelli, Ernesto Neto, Everardo Miranda, Fabrice Langradi, Fernanda Gomes, Flávia Ribeiro, Frederico Dalton, Gabriela Machado, Gê Orthof, Gustavo Rezende, Iran do Espírito Santo, João Modé, Jorge Emanuel, José Damasceno, José Rufino, José Spaniol, Ligia Canongia, Lilian Zaremba, Lívia Flores, Luiz Carlos Del Castilho, Márcia X, Marcos Chaves,  Maria Moreira, Maurício Ruiz, Mauro Faingerlernt, Paulo Climachauska, Raul Mourão, Regina de Paula, Ricardo Ventura, Roberto Bethônico, Rosana Palazyan, Rosilda Sá, Tatiana Grinberg, Tonico Lemos, Umberto Costa Barros, Valeska Soares, Vasco Acioli, Vicente de Mello, Waltércio Caldas, Zaven Paré.


Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto
Rua do Humaitá, 163 - Humaitá
Rio de Janeiro
Tel: (21) 2535.3846    

Quarta a domingo das 14 às 22h
Entrada franca